Skip to content

Incertezas e cuidados na vida adulta

Quando recebemos o diagnóstico de autismo, somos levados a um turbilhão de emoções, dúvidas e de muita preocupação. Quando as crianças são diagnosticadas cedo, recebem tratamento adequado e são auxiliadas por profissionais da área, já os adultos autistas passam por grandes desafios.

Assim, quando a criança começa a crescer é preciso buscar mais independência. É comum que seus pais fiquem apreensivos. No entanto, é importante salientar que os adultos com autismo podem se tornar mais independentes do que eram quando crianças, e isso faz parte do processo e mostra a importância do apoio e incentivo dos pais.

Com a chegada da vida adulta, o jovem com autismo precisa organizar melhor o tempo. O autista adulto tem um pouco mais de dificuldade pois existe algumas manias que eles gostariam de se dedicar. Outro problema é que o adulto tem mais comprometimento nas habilidades sociais e isto pode causar uma maior dificuldade na parte coletiva, no círculo de amizades, na convivência social.

A questão da organização é outro fator importante, com isso seu filho pode aprender a organizar atividades como as obrigações, dinheiro, tarefas domésticas, ter prazos para comprar e até mesmo outras tarefas que precisam ser cumpridas.

Para o futuro sempre vai existir uma incerteza para os autistas, causada pelo estresse. As pessoas com autismo, podem ter uma probabilidade maior com a ansiedade e depressão, com isto, familiares e professores devem ficar atentos e se precisar, procurar ajuda.

Existem alguns pais que são mais preocupados na transição da adolescência do autista para fase adulta. Algumas atitudes podem ser adotadas, diminuindo assim o estresse dessa fase, como por exemplo: estabelecer uma rotina para ajudar o seu filho dar conta melhor de si mesmo, aumentar o convívio com outras pessoas.

O autista adulto pode ter o desafio, mas nada o impede de ter sua vida tranquila.

  • Blog
Back To Top
Search